Muitas vezes não me sinto aprendendo nada, diz estudante sobre ensino remoto

27/07/2020

 

Professores também relatam pressão e frustração no processo. Especialistas veem desafios para o pós-pandemiaDepois de quase três meses atuando remotamente com seus estudantes, o professor Adriano Claro Neves, da rede estadual de educação de Minas Gerais, relata frustração e angústia.Os dias do docente seguem dedicados a tentar garantir a aprendizagem dos alunos, em um processo que mistura pressão, dedicação e baixa adesão.De terça a sexta, seguindo a atribuição de aulas da escola em que atua no município de Ribeirão das Neves, na região metropolitana de Belo Horizonte, o professor de História acessa o aplicativo Conexão Escola, uma das ferramentas do regime de estudo não presencial adotado pela rede, e fica disponível em chats que, na teoria, servem para que os alunos tirem dúvidas dos conteúdos disponibilizados parte por teleaulas, via Rede Minas, parte por cadernos, os planos de estudos tutorados.Além do tempo online disponibilizado aos estudantes, o professor tem entre suas demandas se inteirar dos conteúdos oferecidos pela rede, como um planejamento de aulas, participar de reuniões administrativas e dar devolutivas mensais para a escola com indicações de quantos estudantes realizaram as atividades, e qual o tempo dedicado a cada uma delas. Estou trabalhando mais, garante Neves.A sobrecarga, no entanto, não se traduz em um trabalho efetivo. Até o momento, tive interação, de fato, com cerca de dez estudantes, afirma o docente, que atende mais de 600 adolescentes nas turmas de 6º e 9º ano do Ensino Fundamental e Ensino Médio para as quais leciona.Leia na íntegra: Carta Capital

Créditos: http://www.jornaldaciencia.org.br/edicoes/?url=http://jcnoticias.jornaldaciencia.org.br

Rua Joaquim Távora, 629 • Vila Mariana • 04015-001 • São Paulo • SP
Promoção: (11) 5084-2482 / 5571-1122 • Fax: (11) 5575-6876
Vendas: (11) 5549-2244 / 5571-0276 / 5084-2483 • Fax: (11) 5571-9777
Copyright © 2011 por editora HARBRA. Todos os Direitos Reservados.