Educação para a equidade de gênero não é ideologia, mas questão de direitos humanos, diz juiz

08/11/2019

 

Ariel Nicolai Dias é presidente do Fonavid (fórum de juízes de violência contra a mulher), que realiza encontro pela primeira vez em São PauloA educação para a equidade de gênero não se trata de uma ideologia da esquerda ou da direita, mas de uma questão de direitos humanos.É o que afirma o juiz Ariel Nicolai Dias, presidente do Fonavid (Fórum Nacional de Juízas e Juízes de Violência Doméstica e Familiar Contra a Mulher), que realiza seu 11° encontro anual nesta semana em São Paulo. É a primeira vez que o estado sedia o evento.Veja o texto na íntegra: Folha de S. PauloO Grupo Folha não autoriza a reprodução do seu conteúdo na íntegra para quem não é assinante. No entanto, é possível fazer um cadastro rápido que dá direito a um determinado número de acessos.

Créditos: http://www.jornaldaciencia.org.br/edicoes/?url=http://jcnoticias.jornaldaciencia.org.br

Rua Joaquim Távora, 629 • Vila Mariana • 04015-001 • São Paulo • SP
Promoção: (11) 5084-2482 / 5571-1122 • Fax: (11) 5575-6876
Vendas: (11) 5549-2244 / 5571-0276 / 5084-2483 • Fax: (11) 5571-9777
Copyright © 2011 por editora HARBRA. Todos os Direitos Reservados.