Conselho Nacional de Educação quer currículo mais flexível para cursos de Engenharia

14/06/2018

 

Órgão espera aprovar até julho reformulação da carreira, que tem alta taxa de evasão; integração de disciplinas, mais foco em atividades práticas e ênfase em inovação são outros objetivos da mudança, que valerá para 4 mil graduações da área no PaísO Conselho Nacional de Educação (CNE) vai mudar as diretrizes curriculares das graduações de Engenharia do País, com o objetivo de tornar os cursos mais atrativos. A proposta é que a carreira – em que metade dos ingressantes abandona a faculdade antes de se formar – tenha maior número de atividades práticas, organização mais flexível, interdisciplinar e focada em inovação.Veja o texto na íntegra: O Estado de S. PauloO Estado de S. Paulo não autoriza a reprodução do seu conteúdo na íntegra para quem não é assinante. No entanto, é possível fazer um cadastro rápido que dá direito a um determinado número de acessos.

Créditos: http://www.jornaldaciencia.org.br/edicoes/?url=http://jcnoticias.jornaldaciencia.org.br

Rua Joaquim Távora, 629 • Vila Mariana • 04015-001 • São Paulo • SP
Promoção: (11) 5084-2482 / 5571-1122 • Fax: (11) 5575-6876
Vendas: (11) 5549-2244 / 5571-0276 / 5084-2483 • Fax: (11) 5571-9777
Copyright © 2011 por editora HARBRA. Todos os Direitos Reservados.