Tributação aprova ajuste da complementação do Fundeb em três parcelas

25/10/2017

 

A proposta ainda será apreciada de forma conclusiva pela Comissão de Constituição e Justiça e de CidadaniaA Comissão de Finanças e Tributação da Câmara dos Deputados aprovou o Projeto de Lei 7336/10, do deputado Manoel Junior (PMDB-PB), que divide em três parcelas o ajuste do Fundo de Manutenção e Desenvolvimento da Educação Básica e de Valorização dos Profissionais da Educação (Fundeb).O ajuste pode ser para mais ou para menos, ou seja, os estados podem ter crédito a receber da União ou podem ter recursos debitados dos seus respectivos fundos – caso tenham recebido a mais no ano anterior. Hoje o ajuste é realizado em uma única parcela.Para o relator, deputado Mauro Pereira (PMDB-RS), o parcelamento pode resultar em benefícios para os cofres públicos. “Favorece a programação financeira do Tesouro Nacional, gerando um ganho financeiro proporcional ao volume de recursos cujo pagamento é postergado”, afirmou.Pereira explica que o sistema atual aponta um saldo devedor líquido para a União, indicando a necessidade de aportes adicionais ao Fundeb. “O que se evidencia é que o valor devido pela União, entre 2010 e 2016, aos fundos estaduais foi superior ao valor que deveria ser retornado à União por alguns estados”, disse ao citar dados do Ministério da Educação.TramitaçãoA proposta ainda será apreciada de forma conclusiva pela Comissão de Constituição e Justiça e de Cidadania.ÍNTEGRA DA PROPOSTA:PL-7336/2010 Agência Câmara de Notícias

Créditos: http://www.jornaldaciencia.org.br/edicoes/?url=http://jcnoticias.jornaldaciencia.org.br

Rua Joaquim Távora, 629 • Vila Mariana • 04015-001 • São Paulo • SP
Promoção: (11) 5084-2482 / 5571-1122 • Fax: (11) 5575-6876
Vendas: (11) 5549-2244 / 5571-0276 / 5084-2483 • Fax: (11) 5571-9777
Copyright © 2011 por editora HARBRA. Todos os Direitos Reservados.